quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Como formar uma opinião própria sobre quase tudo


Corajosa, Sábia e Persistente
Quem não gostava de ter uma opinião assim, seja a falar sobre futebol com os amigos ou sobre economia num debate sobre a globalização? Eu não me importava nada. No entanto, como descreveríamos as opiniões de cada um? Podem ser muita coisa, desde superficiais a conhecedoras, tímidas a destemidas, desafiantes e inovadoras a comuns e aborrecidas... Mas uma coisa é certa: ter opinião própria é bom! E expressá-la na altura certa ainda melhor. Aqui ficam algumas dicas que, na minha opinião (vejam bem como tenho uma), são capazes de formar boas opiniões sobre os mais variados tópicos:


1. Saber de nós e do resto do mundo
As coisas que vemos passar-se à nossa volta não nos deixam indiferentes. Eu fico triste se sei que houve um massacre na Noruega, indignado perante um tiroteio a um grupo de mineiros na África do Sul, contente perante a notícia de que uma empresa portuguesa está a afirmar-se no mercado internacional. Estas emoções são faíscas. Basta aproximar-lhes a chama da palavra e… BOOM! Temos uma opinião.
E se há uns anos atrás era difícil ter uma opinião sobre o que se passava na China, hoje não é! Basta instalar uma app de notícias no smartphone, ligar a rádio quando se está no trânsito ou ver o telejornal em casa, para ficarmos com uma ideia do se passa pelo mundo fora. “Mas isso é chato!”. Pode ser que sim, mas vai saber bem estar a discutir um tema sobre o qual vimos uma notícia ontem à noite.

2. Ler, ver e ouvir coisas que valham a pena      
Um bom livro é um poço de conhecimento e um excelente construtor de opiniões. Felizmente, há livros sobre quase tudo, por isso basta escolher um tema para aprofundar e ler um livro sobre o mesmo. Faltam-te ideias? Aqui ficam 5 sugestões minhas:
Romance recente

Romance clássico
Religião
História do séc.XX
Globalização/Economia

E se ler livros ajuda a formar uma opinião própria, também o faz ouvir música boa ou ver filmes de qualidade. Visitar o site imdb e dar uma vista de olhos pela lista dos 100 melhores filmes de sempre é capaz de ser um bom ponto de partida se queremos conhecer e poder falar sobre os clássicos do cinema.

3. Prestar atenção ao que os pros pensam
Ouvir o prof. Marcelo Rebelo de Sousa domingo à noite na tvi, ou ir a uma conferência onde o Paul Krugman vai falar sobre economia, são apenas alguns exemplos de coisas que podemos fazer, se pretendemos aprender mais sobre a área que eles dominam. Ouvir as opiniões dos outros pode ser bastante produtivo se queremos formar a nossa. Não sugiro que se adote os pensamentos de outras pessoas (isso seria a maneira preguiçosa, não inteligente, de formar uma opinião – fica para a próxima semana), mas antes que os utilizemos como bases para os nossos! Não vos soa bem a frase (fictícia): “O Paul Krugman disse no outro dia que a solução para a crise de Portugal passa por baixar o salário mínimo. Eu acho que ele está certo em dizer que … mas podia ter sido mais claro a falar de …”. Deixo-vos a imagem de um site com conversas bem interessantes, onde só os pros de um determinado tema falam, assim como uma das TED talks que acho ser muito boa
 

 




8 comentários:

  1. Ideias interessantes e uma boa proposta de livros. Ja li 4 deles e posso assegurar que são boas escolhas. O meu amigo continua a escrever dando opiniões interessantes..... Continua !!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado! Eheh, na verdade eu também só li 4 deles, estou neste momento a ler "a fé explicada". Já me tinham falado muito bem dele, e pelo que li já percebi que é um ótimo livro para quem quer saber mais da fé católica, de forma simples e bem interessante.

      Eliminar
  2. Muita bom miguel, estou a ver que a Dinamarca não é obstáculo para ti...
    abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Miguel (dava jeito saber o apelido :) ), ainda bem que gostaste.
      Abraço

      Eliminar
  3. Muito bem definidos os requisitos para se "ter opinião". Concordo totalmente! aprende-se a ter opinião lendo, escutando os outros,ouvindo as notícias, ....consultando o teu blog:)

    Boa! Continua.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico contente que o meu blogue esteja nessa tua lista! Espero é que contribua para as boas opiniões eheh, fico com as minhas dúvidas relativamente a isso

      Eliminar
  4. Concordo com grande parte do que dizes. Mas cuidado, que a barreira entre a opinião e o 'opinanço' é ténue.
    Revejo-me, sobretudo, no ponto 2, mas alerto para a pouca fiabilidade desse tipo de listas do imdb, que geralmente são feitas por utilizadores. A "oficial", por assim dizer, baseia-se no "rating" dos filmes, que é também atribuído pelos utilizadores e por isso ignora tudo o que não sejam filmes de produção americana e tem tendência para sobrevalorizar alguns "blockbusters".
    Uma última nota para dizer que o Prof. Marcelo, aparentemente domina todas as áreas, já que fala sobre tudo...

    ResponderEliminar
  5. Olink do video não está funcionando, com faço pra ver

    ResponderEliminar